IMF
Cirurgia Ortognática, Notícias Por , em 25 de maio de 2023

Quem precisa de cirurgia ortognática?

Cirurgia ortognática é um termo que pode parecer pouco familiar para muitas pessoas. Entretanto, é um procedimento cirúrgico altamente especializado que pode ajudar as pessoas a obter uma estrutura facial mais funcional e esteticamente mais agradável. Mas quem exatamente precisa de cirurgia ortognática?

Bem, a resposta a essa pergunta pode variar de acordo com cada caso individual. Em geral, quem precisa da cirurgia ortognática são pessoas com desalinhamentos ou discrepâncias na mandíbula que, não podem ser corrigidos apenas com tratamento ortodôntico. Isso inclui pessoas com queixo projetado mais pra frente, um lado da mandíbula maior que o outro, mordidas cruzadas e mordidas abertas. Essas condições podem afetar a capacidade da pessoa de mastigar, falar e respirar adequadamente, além de causar dor e desconforto facial. A cirurgia ortognática também pode ser recomendada para pessoas com apneia obstrutiva do sono ou outros distúrbios respiratórios. Neste artigo, exploraremos mais sobre quem precisa de cirurgia ortognática e o que o procedimento envolve.http://www.institutomaxilofacial.com.br/2023/05/18/cirurgia-ortognatica-ela-e-adequada-para-voce/

Introdução a cirurgia ortognática

A cirurgia ortognática é uma intervenção cirúrgica que envolve o realinhamento de uma ou ambas as mandíbulas. Ela é realizada para corrigir problemas de mordida e oclusão dental, que podem levar a problemas funcionais, como por exemplo, dor crônica na mandíbula, dificuldade para mastigar e falar, problemas respiratórios e apneia do sono. Por fim, a cirurgia ortognática também pode melhorar a aparência facial, corrigindo assimetrias e desalinhamentos da mandíbula.

Para realizar a cirurgia, o paciente deve passar por uma avaliação detalhada que inclui exames de imagem, como radiografias e tomografias, bem como uma avaliação clínica completa. O procedimento é geralmente realizado por um cirurgião maxilofacial, que trabalha em conjunto com um ortodontista, garantindo assim, que o resultado final seja funcional e esteticamente agradável.

Condições que podem exigir cirurgia ortognática

Se você possui um ou vários dos problemas que serão relacionados a seguir, você precisa da cirurgia ortognática e não sabe!

  • Em primeiro lugar, situações em que você não consegue resolver o seu problema apenas com o uso de aparelhos ortodônticos;
  • Apresenta o queixo muito grande ou para frente, também conhecido como prognatismo, ou má oclusão esquelética classe 3;
Pessoas com queixo muito grande precisa de cirurgia ortognática
A cirurgia ortognática é recomendada para pessoas com queixo muito grande ou para frente, também conhecido como prognatismo, ou má oclusão esquelética classe 3
  • Ou tem o queixo muito pequeno ou para trás, também conhecido como retrognatismo, ou má oclusão esquelética classe 2;
Rrognatismo é uma condição eem que pode precisar de cirurgia ortognática
Retrognatismo é uma condição em que a mandíbula inferior se retrai para trás em relação ao crânio
  • Mostra muito a gengiva quando sorri ( o chamado sorriso gengival);
Pessoas que possuem sorriso gengival podem precisar da cirurgia ortognática
A cirurgia ortognática é recomendada para pessoas pessoas sorriso gengival
  • Você tem o rosto torto ou acha que está ficando, também conhecido como assimetria. (você percebeu isso ou alguém fez um comentário)
  • Na mesma linha, você acha que tem a face curta ou longa?
  • Problemas como mordida abertamordida profundamordida cruzada… (são algumas situações onde seus dentes não tocam corretamente);
A cirurgia ortognática é recomendada para pessoas com mordida cruzada anterior.
  • Não consegue fechar os lábios naturalmente, sem forçar a musculatura;
  • Seus dentes não se encaixam adequadamente em oclusão, por exemplo, durante o fechamento da boca;
  • Ronca muito, tem dificuldades respiratórias, respiração bucal, ou seja, respira com dificuldade pelo nariz;
  • Dorme mal, acorda cansado, tem sonolência excessiva durante o dia, tem déficit de atenção;
  • Não consegue mastigar adequadamente;
  • Insatisfação com sua harmonia e estética facial, “ triste em conflito com sua própria existência”, constrangido(a), acanhado(a), com vergonha de seu aspecto facial, está se isolando do convívio das pessoas em todos os ambientes; pois é vítima de apelidos e brincadeiras maldosas.

Os benefícios da cirurgia ortognática

A cirurgia ortognática pode ter vários benefícios, incluindo:

Como a cirurgia ortognática funciona

A cirurgia ortognática envolve o realinhamento da mandíbula superior e/ou inferior para melhorar a aparência facial e corrigir problemas de mordida e oclusão dentária. No entanto, o procedimento é geralmente realizado em conjunto com um tratamento ortodôntico, que prepara os dentes para a cirurgia e ajuda a manter os resultados a longo prazo.

Primeiro de tudo, o processo de cirurgia ortognática envolve a criação de incisões na boca para acessar as mandíbulas, em seguida, realinha as mandíbulas usando técnicas avançadas de fixação óssea, como placas e parafusos. O processo de cirurgia pode levar algumas horas, dependendo da complexidade do caso.

O processo de tratamento ortodôntico

Antes da cirurgia ortognática, o paciente deve passar por um tratamento ortodôntico que prepara os dentes para a cirurgia. O tratamento ortodôntico pode levar de 6 a 18 meses, dependendo da complexidade do caso. Durante o tratamento, os dentes são movidos para a posição correta usando aparelhos ortodônticos, como braquetes e fios, ou alinhadores, como o Invisalign, por exemplo.

O tratamento ortodôntico é importante pois garantem, que os dentes estejam na posição correta antes da cirurgia e para ajudar a manter os resultados a longo prazo. Depois da cirurgia, o paciente deve continuar usando aparelhos ortodônticos para ajudar a manter a posição correta dos dentes.

Preparação para cirurgia ortognática

Antes da cirurgia, o paciente deve passar por uma avaliação detalhada para determinar se ele é um bom candidato para o procedimento. A avaliação inclui um exame clínico completo, bem como exames de imagem, como radiografias e tomografias.

O paciente também deve seguir as instruções do cirurgião maxilofacial para preparar-se para o procedimento. Isso pode incluir mudanças na dieta, interrupção do uso de medicamentos ou suplementos, e preparação do ambiente para a recuperação.

Recuperação após a cirurgia ortognática

A recuperação após a cirurgia ortognática pode levar semanas, pois depende da complexidade do caso. Durante esse período, o paciente deve seguir as instruções do cirurgião maxilofacial para evitar complicações e garantir uma recuperação rápida e eficaz.

Algumas das instruções mais comuns incluem evitar alimentos sólidos e pegajosos, evitar atividades físicas intensas e manter a área cirúrgica limpa e livre de infecções.

Riscos e complicações da cirurgia ortognática

Como qualquer procedimento cirúrgico, a cirurgia ortognática pode envolver riscos e complicações. Alguns dos riscos mais comuns incluem infecções, sangramento, dor e inchaço.

No entanto, a cirurgia ortognática é geralmente segura e eficaz quando realizada por um cirurgião maxilofacial experiente e bem treinado.

Tratamentos alternativos para cirurgia ortognática

Para alguns casos menos graves de desalinhamento da mandíbula e da oclusão dentária, podem ser recomendados tratamentos alternativos, como a ortodontia convencional, pois ela ajuda a corrigir problemas menores de mordida e alinhamento dentário.

No entanto, a cirurgia ortognática é geralmente a melhor opção para corrigir o problema e melhorar a aparência facial e a funcionalidade da mandíbula e dos dentes.

Conclusão

A cirurgia ortognática é uma opção importante para pessoas com graves problemas de desalinhamento da mandíbula e da oclusão dentária. Ela pode ajudar a melhorar a aparência facial e a funcionalidade da mandíbula, dos dentes e da mordida, além de reduzir a dor crônica, problemas respiratórios e apneia do sono. Se você está experimentando algum dos sintomas mencionados acima, é importante consultar um ortodontista ou cirurgião maxilofacial para avaliar se a cirurgia ortognática é adequada para você.

Instituto Maxilo Facial

Instituto Maxilo Facial, fundado pela Dra Ana Carolina e Dr. Rodrigo Fromer, prioriza o atendimento diferenciado e humanizado de seus pacientes.

Últimas Notícias

Saiba as últimas novidades do Instituto Maxilo Facial.